Área do profissional

Seminário de Odontologia na Saúde Pública discute humanização no SUS

Seminário de Odontologia na Saúde Pública discute humanização no SUS

Nesta quinta e sexta-feira, 1º e 02 de junho, o Conselho Regional de Odontologia de Sergipe (CRO-SE) realiza mais uma edição do Seminário de Políticas Públicas de Sergipe, no auditório [bloco G] da Universidade Tiradentes (Unit). O evento, que já acontece na pelo terceiro ano consecutivo, traz a temática “Humanização e defesa do SUS”, que será discutido com cirurgiões dentistas, auxiliares e técnicos em Saúde Bucal e técnicos em Prótese Dentária, através de uma vasta programação.

As palestras e mesas de debates discorrerão sobre “desafios para o financiamento do SUS”; “avaliar, planejar e viabilizar ações”; “humanização em Odontologia na Saúde Coletiva”; “Saúde do Trabalhador – Riscos na Odontologia”; “Hipnose e controle da ansiedade”; e “Trabalhador e Gestão: como avançar juntos?”. O evento será encerrado com uma reunião com os coordenadores e responsáveis técnicos de Saúde Bucal dos municípios.

De acordo com Lisandra Lima, presidente da Comissão de Políticas Públicas do CRO-SE, o evento tem atraído um grande número de interessados nos anos anteriores. “O sucesso foi muito grande nos últimos dois anos. Vimos uma procura foi muito boa entre os profissionais de saúde bucal do estado. E, ao que parece, a perspectiva é que o mesmo acontecerá este ano, porque até o final da manhã de quarta, já tínhamos mais de 300 inscritos, além daqueles que deixam para se inscrever na hora”, pontuou.

Para ela, as discussões sobre o tema proposto para este ano são atuais e indispensáveis. “O tema ‘humanização’ é um dos mais bonitos dentro da Saúde Pública, porque resgata o amor no cuidado das pessoas. Mas além do desafio que é tratar com seres humanos no nosso dia a dia, vamos falar sobre o desafio de defender o SUS nesse momento de dificuldade que o país e o SUS atravessam, como a perda de recursos e espaços. Então é essencial tanto para a sensibilização dos profissionais, quanto para o resgate da importância do Sistema para toda a população”, finalizou. 

 

 

Ouvidoria Artigos Dúvidas frequentes